Você sabia que a má hidratação pode causar diversos problemas de saúde e até prejudicar a saúde dos rins? Sem dúvidas o cuidado renal tem tudo a ver com uma boa hidratação, então vamos entender como funciona essa relação.

 

Você sabe quais alimentos contribuem com a saúde dos rins? Confira!

 

Por que beber água é importante para a saúde dos rins?

 

Estudos indicam que a ingestão adequada de água é uma das maneiras mais eficientes de cuidar da saúde dos rins e prevenir problemas a longo prazo. Isso acontece, pois, ao ingerir água contribuímos com o transporte de nutrientes e eliminação de toxinas. Os rins são responsáveis por filtrar o sangue, deixando o nosso organismo limpo e a ingestão de água contribui para que esse processo aconteça adequadamente.

 

Além disso, o consumo adequado de água promove inúmeros benefícios à saúde:

 

  • Contribui com a absorção de nutrientes;

 

  • Ajuda no transporte de oxigênio para as células;

 

  • Melhora o funcionamento de órgãos vitais;

 

  • Rejuvenesce;

 

  • Ajuda a emagrecer;

 

  • Entre outros benefícios

 

Qual a quantidade ideal de água que devemos beber?

 

O consumo médio de água para um indivíduo adulto e saudável varia de 2 a 3 litros por dia. A quantidade ideal, no entanto, depende de diversos fatores; idade, peso, clima, alimentação, prática de atividades físicas e até mesmo doenças podem impactar a quantidade necessária a ser ingerida.

 

Preservando a saúde renal – Veja os cuidados do paciente renal crônico

 

Como saber se estou bebendo pouca água?

 

Com uma rotina corrida, muitas vezes esquecemos de nos hidratar corretamente, é quando o nosso corpo demonstra sinais, que vão além da sede, indicando que o consumo de água não está adequado. 

 

Cor da urina

 

A cor da urina é um dos métodos mais simples de descobrir se estamos ingerindo pouca quantidade de água. O ideal é que a nossa urina apresente a cor amarelo claro, portanto, caso a urina apresente uma cor forte e escura, pode ser sinal de pouco consumo de água. 

 

Prisão de ventre 

 

Muitas pessoas podem sofrer com a prisão de ventre devido a pouca ingestão de água. Para o bom funcionamento do intestino não basta apenas o consumo de frutas e alimentos ricos em fibras, a ingestão de água também é fundamental.

 

Fome

 

A fome também é sinal de pouca ingestão de água. Muitas pessoas, que bebem pouca água, confundem fome com sede e acabam comendo muitas vezes sem necessidade. Então pense duas vezes quando a fome aparecer e lembre-se que pode ser sede.

 

Cansaço

 

A má ingestão de água também pode causar indisposição e cansaço. O consumo de água contribui com o fluxo sanguíneo, e quando isso não acontece adequadamente nos sentimos indispostos e sem energia.

 

Renal Quality – Clínica de Nefrologia em Jundiaí

 

O consumo adequado de água promove benefícios para o funcionamento adequado de todo o corpo, prevenindo, no futuro, sérios problemas renais. O cuidado com a saúde dos rins é fundamental para uma vida equilibrada e saudável, não deixe o cuidado renal de lado.