A chegada do COVID-19 trouxe mudanças súbitas na rotina de toda sociedade, o que pode impactar a saúde física e mental de muitas pessoas.

Para lidar melhor com tantas mudanças na quarentena, perguntamos a especialista em Psicologia da Saúde, e Psicóloga da clínica de nefrologia Renal Quality, Daniele Merli Gaino, algumas dicas para cuidar da saúde mental.

Saiba como cuidar da saúde mental neste período de reclusão

Confira as dicas da especialista Daniele para cuidar da saúde mental neste período de reclusão:

“Mantenha uma rotina diária. É importante realizarmos uma organização interna e da nossa própria rotina. Separe horários para trabalho, lazer e interação familiar. Inclua ações em casa de autocuidado: uma alimentação saudável, relaxamento, exercício físico. Isso aumenta a autoestima e a saúde emocional.”

“Escolha atividades de leitura ou outras que sejam do seu interesse e prazerosas. Assistir ou ler sobre outros assuntos e conversar sobre outros temas ajudará a amenizar a tensão. Experimente outras formas de se expressar, como pinturas, desenho, escrita, música ou dança.”

“Atualize-se apenas de fontes confiáveis, em horários definidos, uma ou duas vezes por dia. O excesso de informações pode causar mais ansiedade e estresse.”

“As relações com os outros são muito importantes. O apoio das pessoas nos ajudam a enfrentar situações desafiadoras e estressantes. Aproveite os meios de comunicação, faça contato, chamadas de vídeo e interaja sempre com as pessoas importantes, família, amigos. Isso o fará sentir-se mais próximo dessas pessoas e ameniza os efeitos do isolamento social.”

“Pense no que você pode aprender e renovar nesse período, como o uso da tecnologia, novas ferramentas, diversas formas de comunicação, uma receita nova, um cultivo em casa, um artesanato, um instrumento…as possibilidades são inúmeras.”

“Descansar também é importante para a saúde mental. Durante o sono e descanso nosso corpo recarrega as energias e mantém o equilíbrio.”

“Lembre-se que de que assim como os momentos bons que você já viveu, os difíceis não duram para sempre. Relembrar estratégias que você já utilizou em outros momentos difíceis pode ser útil.”

“Aceite apoio emocional quando oferecido e ofereça apoio sempre que puder.”

“Para os profissionais da saúde, o gerenciamento da sua saúde mental e do seu bem estar psicossocial durante este momento é crucial para que você possa manter sua saúde física também.”

“Caso sinta que precisa de ajuda especializada, consulte o Disque Saúde – telefone 136 – para instruções.”

Em caso de sofrimento psíquico intenso, você também pode contar com o Centro de Valorização da Vida (CVV) que oferece apoio emocional através do telefone 188.

Juntos no combate ao COVID-19

Muitas pessoas estão passando por um momento delicado, saiba que você não está sozinho e que juntos podemos superar esta situação. Procure cultivar pensamentos positivos e conversar sobre os seus sentimentos com as pessoas que ama.

Seguindo as orientações das autoridades de saúde logo venceremos esta pandemia.